sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Pensamento

 

"Já não quero ser grande, forte, inatingível.
quero ser, por hora, de um tamanho que
eu ainda me reconheça, que ainda saiba
me encontrar no passado ou um dia no futuro.
Quero ser humana, quero ser carne e osso,
quero sentir, quero tocar... quero poder
ser isso que sou na medida qualquer do tempo,
estar sempre pronta a me recompor das tempestades;
Não devo estar tão errada...

Há tanta água no oceano que se deixa evaporar
pelo único prazer de voltar a ser uma gota de chuva."

(Cáh Morandi)

3 comentários:

Artes e escritas disse...

Não está errada não. Amei o pensamento e a música é um primor...Um abraço, Yayá.

Vivian disse...

Olá!!

Que lindo!!!!Este querer se reconhecer, ser humana, sentir, tocar...ah!!é VIVER!!!!
Amei a escolha e a imagem também!!!
Obrigada pela vista!
Seja Muito Bem-Vinda!!!
Beijos!!!

Vencer Barreiras disse...

Yayá sempre presente...obrigada pelo carinho! Grande abraço

Vivian que bom ter você aqui! E é nesse buscar SER HUMANO é que nos encontramos em palavras. Apareça mais vezes!Beijos!

Postar um comentário