terça-feira, 11 de outubro de 2011

Renato Russo


                     

"Há exatamente 15 anos, no dia 11 de outubro de 1996, morria Renato Russo. O cantor foi vítima de complicações decorrentes da aids. Apesar de ser soropositivo desde 1990, ele nunca chegou a assumir publicamente a doença.
Renato Russo nasceu no Rio de Janeiro, em 1960, e se mudou para Brasília em 1973. Batizado como Renato Manfredini Jr., ele criou o apelido para homenagear coletivamente os filósofos Jean-Jaques Rousseau e Bertrand Russel e também o pintor Henri Rousseau. Na capital federal, começou a sua primeira banda em 1978, o Aborto Elétrico. O grupo, que tinha os irmãos Fê e Flávio Lemos na bateria e no baixo, respectivamente foi o embrião tanto do Capital Inicial, onde os dois tocam até hoje, e da Legião Urbana.
O grupo, que também contava com Dado Villa-lobos na guitarra e Marcelo Bonfá na bateria lançou em 1984 seu disco de estreia, auto-intitulado, e que tinha sucessos como SeráAinda é cedoPor Enquanto e Geração Coca-cola. Depois se seguiram Dois, de 1986, que tinha Eduardo e MônicaTempo perdido e ÍndiosQue País É Este, que mostrou a música título e Faroeste Cabloco e As quatro estações, de 1989, que trouxe músicas como Há TemposPais e FilhosQuando o Sol Bater na Janela do Teu QuartoMeninos e Meninas e Monte Castelo.
Esses quatro discos alçaram Renato Russo ao alto escalão de compositores nacionais e pavimentou a fama da Legião Urbana,que perduraria até 1996."

2 comentários:

GMendes disse...

"É tão estranho, os bons morrem antes..."
Mas não "foi tempo perdido!!!"

Vencer Barreiras disse...

"Há tempos o encanto está ausente..."

Postar um comentário